Pilates na Escola chega a Portugal

O Workshop Pilates Kids – Metodologia Pilates na Escola foi desenvolvido para compartilhar com Instrutores de Pilates o método que realizamos dentro das Escolas com as crianças. Por ser um trabalho pioneiro e inovador, despertou a curiosidade de muitos profissionais e, além disso, é um assunto que não é explorado nos cursos de formação em PIlates

Então como dar uma aula de Pilates para crianças sem ser monótona e entediante e ao mesmo tempo respeitar o método desenvolvido por Joseph Pilates? Desde 2016 espalhamos nossa metodologia pelo Brasil, até que em 2018 atravessamos o oceano atlântico para terras Portuguesas. Foram 3 workshops em 3 cidades diferentes (Coimbra, Porto e Lisboa) com Instrutores portugueses e alguns brasileiros que também nos prestigiaram.

Algumas perguntas sobre nossa temporada  em Portugal:

– Como fomos recebidos? Excepcionalmente bem! Conhecemos profissionais  muito competentes e carismáticos em todos os locais. Foram 35 profissionais certificados e nossas organizadoras foram impecáveis: Fátima, Bárbara (professora Preta) e Adriana. As crianças que participaram da parte prática do curso sentiram-se a vontade e terminaram querendo fazer mais pilates (quer recompensa melhor que essa?)

– Qual foi o feedback dos cursos? O melhor possível! 100% de aprovação e reconhecimento de qualidade por todos os participantes;  

– Como está o método Pilates em Portugal? Grande parte dos “gabinetes” (estúdios como eles chamam) ou “ginásios” (academias) possuem aulas de Mat Pilates. Diferente do Brasil, você não encontra um estúdio ou vários em cada rua, com aparelhos completos.  Os profissionais que procuram o método são na maioria educadores físicos ou TEF (técnicos de exercício físico). Os Fisioterapeutas estão começando a buscar formações no método, mas ainda são em menor número.

Ainda não houve uma banalização do método, como está acontecendo no Brasil, com cursos de formação de um final de semana e profissionais sem qualificação e experiência formando outros Instrutores. Ao mesmo tempo, ainda há poucos cursos e workshops com profissionais renomados, como temos no Brasil. É um mercado que ainda está engatinhando, mas em expansão.

– Como será em 2019? Voltaremos no mês de maio para mais uma temporada de Workshops em Lisboa e no Porto. Acesse nosso calendário de cursos para saber mais!

  • Curiosidade: em Portugal não se usa a palavra “bumbum”, e durante a prática utilizamos diversas vezes essa palavra para conduzir o aluno, principalmente com crinaças, não é? “ levanta o bumbum do chão”; “baixa o bumbum”. Então nos ensinaram que lá se dizia “rabo” ou, carinhosamente, “ rabiosca” ou “rabinho” (engraçado para nós brasileiros, pois essa palavra tem outra conotação, rsrsrs). No final já estávamos familiarizados com o idioma, e falando como os portugueses, ora pois!